Jovem de ascendência portuguesa morre vítima de jogo “online”

Jovem de ascendência portuguesa morre vítima de jogo “online”

Like
189
0
Quarta-feira, 17 Maio 2017
Notícias

Um jovem de ascendência portuguesa morreu sufocado na Irlanda, vítima de um jogo online.

A comunidade de Clare, na Irlanda, juntou-se segunda-feira para o funeral de Conor Matos Wilmot, de 13 anos. O jovem, filho de uma portuguesa, foi encontrado morto, quinta-feira, perto da casa da família, em Sixmilebridge.

A imprensa local, e internacional, atribuiu a morte de Conor ao desafio da “Baleia Azul”. O pai não concorda e nega especulações de que o jovem seria vítima de assédio na escola.

“Não teve nada a ver com a Baleia Azul. Não é um suicídio”, disse Greg Wilmots, o pai de Conor. “Foi um acidente que correu mal, não um ato intencional contra a própria vida”, acrescentou, em declarações ao jornal “Irish Times”.

“As pessoas têm de saber isto, porque faz uma grande diferença perceber que isto foi um estúpido acidente adolescente e não o caso de alguém que estava infeliz ou o que quer que seja”, disse Greg Wilmot.

“Acho que isto está relacionado com um jogo online de sufocamento”, disse Greg Wilmot. “Tanto quanto sabemos, esta não foi a primeira vez que participou”, acrescentou o pai do jovem.

Greg disse que a polícia levou o computador e o telefone de Conor de Matos Wilmots, que é filho de uma cidadã de origem portuguesa, identificada como Irina Matos.

Foi o pai que encontrou o jovem, caído num terreno baldio nas imediações da casa, na quinta-feira. Ainda fez manobras de reanimação, mas não conseguiu trazer de volta à vida o rapaz.

No funeral, o pai tocou e cantou uma música de homenagem a Conor. Um momento que comoveu as centenas de pessoas que se juntaram no último adeus ao jovem.

FONTE: JN

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Menu Jornal FM